O QUE VAI FAZER

Meu compromisso maior é ser a ponte entre Brasília e as principais demandas dos catarinenses, garantindo e acelerando conquistas por todo o Estado. Isso se consegue fortalecendo os municípios para que possam prestar serviços de qualidade aos cidadãos. Saúde, educação, segurança e infraestrutura são suas maiores bandeiras.

Pacto Federativo

Brasília está matando os sonhos dos catarinenses. Apenas 18% do que enviamos em impostos para o Governo Federal retorna em investimentos. Jorginho vai lutar contra esse desrespeito.

Reforma Tributária

Jorginho vai pressionar pela redução de impostos sobre consumo e pelo aumento nas taxas cobradas sobre a renda. Este tipo de arrecadação é cruel, porque onera os mais pobres no feijão e arroz que vai para a mesa.

Segurança é Fudamental

Jorginho vai lutar por uma polícia mais integrada, equipada e que investigue os crimes que atualmente não são solucionados, e proteção jurídica para o policial trabalhar.

Saúde para nossa gente

Uma de suas maiores lutas é proporcionar melhores condições para quem precisa e para quem trabalha em hospitais e postos de saúde. Mais de 50% das suas emendas foram para a Saúde.

Pronatec

Com participação decisiva na criação do MEI Rural, Jorginho vai brigar por melhores condições de trabalho e comercialização da safra, além de infraestrutura para escoamento da produção.

Redução de Deputados

A economia pode chegar a mais de R$ 5 bilhões em 4 anos aos cofres públicos. Jorginho é contra também o aumento do teto salarial para parlamentares.

Novo Super Simples

Ao liderar no Congresso a atualização do Super Simples, Jorginho provou o compromisso com o fortalecimento da vocação empreendedora catarinense. E essa será uma de suas principais bandeiras.

Educação Para Todos

Um projeto em nível federal, aos moldes da Bolsa Jorginho, que beneficiou mais de 16 mil jovens carentes, pretende oportunizar o acesso ao ensino médio e superior, através de bolsas e compra de vagas.

Para mover a economia

Jorginho está à frente de programas de investimentos em rodovias estaduais e federais, além de trechos ferroviários em todo o território catarinense para aumentar a competitividade do Estado.

Refis

Presidente da Frente da Micro e Pequena Empresa, Jorginho liderou a aprovação da lei de parcelamento dos débitos tributários para o segmento, permitindo que 600 mil micro e pequenas empresas continuassem funcionando e mantivessem 2,4 milhões de empregos.